domingo, 4 de setembro de 2011

Carta de saudade I

Esse gosto amargo em minha boca, só veio depois que conheci a tua ausência. Minha boca sem o doce dos teus beijos vive com um sabor amargo que é insuportável. Eu espero que chegue logo e com aquele seu sorriso - o sorriso meigo que só você tem e que eu sei que é só para mim - e preencha todos os espaços ausente dele no meu coração.

Me pego todas as tarde olhando o pôr-do-sol pensando naquele abraço quente das tardes de outono. Você não sabe o quanto meu corpo sente frio sem os teus abraços.

Pensar em você e na possibilidade de você está pensando em mim é o que me resta, neste dias em que você não está aqui. 


Essa saudade é o que me lembra que tenho alguém por quem sentir saudade, por quem esperar. Alguém por quem sonhar a noite. Mas chega logo que estou te esperando.

3 comentários:

  1. Carta bela e saudosa. Parabens, esta lindo

    ResponderExcluir
  2. "Você não sabe o quanto meu corpo sente frio sem os teus abraços."

    Estou assim!

    ResponderExcluir